Catraca na porta de saída dos ônibus de João Pessoa irrita passageiros - Ônibus & Transporte

Catraca na porta de saída dos ônibus de João Pessoa irrita passageiros

Fonte: Jornal da Paraíba Foto: Rose Viegas A utilização de catraca na porta traseira dos ônibus coletivos em João Pessoa tem irritado os passageiros.  A reclamação generalizada é que o impedimento da …

Fonte: Jornal da Paraíba
Foto: Rose Viegas

8d9aa534020e33756216

A utilização de catraca na porta traseira dos ônibus coletivos em João Pessoa tem irritado os passageiros.  A reclamação generalizada é que o impedimento da livre descida atrasa a saída e ainda gera confusão com motoristas que estão sempre com pressa.

“Agora ficou tudo mais complicado. Tem um verdadeiro labirinto para descer dos ônibus e ficou mais demorado. Na hora de descer tem que passar de um em um e com dificuldades pela roleta, com isso, os motoristas querem fechar as portas e arrancar, provocando gritaria e confusão todos os dias nos coletivos”, comenta Maria de Lourdes, doméstica que utiliza o transporte coletivo diariamente para ir ao trabalho.

Para a doméstica, a situação só tem piorado para os passageiros. “Antes mudaram para a entrada pela frente e com isso os motoristas não enxergam quem está descendo e as vezes fecham a porta ou até passam da parada porque não sabem que tem alguém para descer. Agora com essa catraca ficou mais demorado e tomou muito espaço dentro do ônibus, deixando todo mundo mais espremido”, comenta.

Já o estudante Márcio Henrique de Melo, o problema acontece principalmente nas horas de maior movimento quando muitas pessoas querem descer e os motoristas ficam querendo sair com os veículos.   “Não sei por que eles não abrem a porta do meio e deixam as pessoas saírem normalmente.  Com essa catraca só aumenta o tempo e eles ficam apressados  e os passageiros  precisando gritar o famoso  ‘Vai descer’ para não passar do ponto de parada”, esclarece o jovem que estuda no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB).

De acordo com um motorista da empresa Transnacional, que preferiu não se identificar, o motivo alegado para colocação da catraca na parte traseira dos ônibus é evitar o ingresso de pessoas sem pagar passagem.

“A ideia é dificultar a ação daqueles que entram sem querer pagar passagem, mas a colocação de catraca realmente prejudica nosso trabalho. Demora muito mais para os passageiros saírem do veículo e isso atrasa todo itinerário que temos um tempo curto para cumprir”, destaca o motorista.

O motorista da Transnacional também explica que a orientação é não abrir a porta do meio dos veículos para descida. “A porta do meio é para ser usada apenas para a entrada de idosos e outros passageiros que possuem gratuidade, mas na hora do tumulto nós acabamos abrindo para saída também para evitar confusão com passageiros”, esclarece.

A reportagem do JORNAL DA PARAÍBA tentou diversas vezes contato com a AETC (Associação das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos-JP), mas não conseguiu informações sobre o novo sistema implantado nos ônibus coletivos em João Pessoa.

, , ,

Assine nossa newsletter