Com a retomada do turismo no Sul, Viação Catarinense amplia oferta de ônibus

Com a queda dos números da pandemia, o turismo de lazer dá sinais de retomada e as viagens corporativas também voltam a acontecer. De olho na recuperação de cidades do Sul e na necessidade de viagens dos moradores da região, a Viação Catarinense ampliou a oferta de saídas dos ônibus rodoviários da categoria semileito que fazem a conexão Curitiba (PR) x Porto Alegre (RS), com paradas em cidades de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.

Até então, a grade de horários deste trecho contemplava apenas uma saída de cada ponto. Com a ampliação da demanda, implementou três novos horários no sentido Curitiba x Porto Alegre e mais três no sentido contrário, totalizando quatro saídas em cada cidade. Abaixo a programação completa:

• Curitiba x Porto Alegre – 8h, 18h30, 20h e 21h15;

• Porto Alegre x Curitiba – 9h, 19h30, 21h15 e 22h.

Nos guichês da empresa, as vendas das passagens estão disponíveis a preços promocionais – de R$ 159,99 por R$ 99,99. No site, esse valor conta ainda com um desconto adicional de 5%. Os valores especiais estão disponíveis até o dia 31 de janeiro de 2022 e são válidos, inclusive, para os feriados de Natal e Réveillon.

Em ambas as rotas, há a possibilidade de paradas em Joinville (SC), Balneário Camboriú (SC), Araranguá (SC), Torres (RS) e Osório (RS), municípios que oferecem atrações como praias, parques e demais passeios turísticos ao ar livre, além de opções gastronômicas e culturais.

Estados do Sul são considerados seguros para os turistas

Em outubro, uma pesquisa realizada pela Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur) constatou que Santa Catarina é considerada segura para viagens neste pós-pandemia e 90% dos entrevistados apontaram o estado como um dos destinos para as próximas viagens.

No mesmo mês, o Paraná recebeu do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTCC) o Selo Safe Travels, título que ajuda a promover o turismo e a economia, oferecendo segurança aos turistas que visitam o local. Além disso, a rede hoteleira de Curitiba vem demonstrando recuperação, com ocupação 70% maior quando comparado ao período anterior à pandemia, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Paraná (ABHI-PR). A capital espera que a movimentação de turistas seja ainda maior no Natal, data que sempre atraiu visitantes.

Já o Rio Grande do Sul recebeu do Ministério do Turismo o Selo Turismo Responsável, Limpo e Seguro em maio deste ano, ocupando a quarta posição entre os estados em número de estabelecimentos considerados seguros em relação à Covid-19. O estado já voltou a realizar eventos de grande porte, como a 33ª Feira Internacional de Turismo de Gramado, que reuniu, no início de novembro, cerca de 8 mil visitantes de várias localidades.

Por que viajar de ônibus?

As viagens de ônibus são mais práticas e econômicas, custando muito menos do que fazer os trajetos de avião, por exemplo. Não há tanta burocracia no embarque e desembarque de passageiros, como é o caso dos aeroportos, e nos ônibus é possível levar as bagagens sem a preocupação de ter que arcar com taxas adicionais. Na modalidade semileito, o conforto é garantido por poltronas reclináveis com apoio para os pés e com controle individual das saídas do ar-condicionado, além das tecnologias embarcadas, como acessos USB individuais para carregamento de dispositivos e WiFi gratuito a bordo.

A Viação Catarinense garante ônibus sanitizados, seguindo todos os protocolos de segurança contra a Covid-19 para que os passageiros percorram seus trajetos tranquilamente.