Raridade é encontrada no norte do Uruguai

Raridade foi achada em Rivera, Norte do Uruguai, durante evento da TCR South América

O parceiro Rafael Mafra, da Aluguel de Motor Home MHC, registrou esse raro veículo, comum na América do Norte, em solo uruguaio. O exemplar é raríssimo de se encontrar aqui na América do Sul, já que poucas unidades foram exportadas além da América Central e Norte.

Trata-se de um MC-9, também conhecido como Crusader II, um dos ônibus mais populares da fabricante canadense Motor Coach Industries (MCI), com 6.425 ônibus produzidos.

Desenvolvido pela MCI em 1978, o MC-9 registrado pelo Rafael foi produzido pela TMC, Transportation Manufacturing Corporation (TMC), fabricante de ônibus com sede em Roswell, Novo México, criada justamente para produzir veículos para a MCI.

Acontece que no início da década de 1970, a MCI tinha uma quantidade tão grande de pedidos que o espaço de produção para sua empresa-mãe Greyhound Lines tornou-se limitado. Foi então que a Transportation Manufacturing Corporation (TMC) foi criada, em 1974, para fabricar ônibus MCI para Greyhound. A instalação da TMC era um hangar de aeronaves convertido em fábrica de carrocerias para ônibus. Eventualmente, a TMC fabricaria ônibus para outros operadores. A TMC produziu 3.194 ônibus para a MCI, e o MC-9 foi produzido de 1978 até 1990.

Com um design imponente, o MC-9 possui linha de teto plana e janelas laterais retangulares altas que eram todas do mesmo tamanho. Utiliza motor Detroit Diesel com suspensão a ar e direção hidráulica.

Voltando a falar sobre o MC-9 motorhome, o veículo teve seu interior totalmente reconfigurado, e hoje serve de apoio para uma equipe uruguaia de pilotos de corrida. O Rafael encontrou a raridade em Rivera, Norte do Uruguai, durante evento da TCR South América, que é uma competição automotiva com circuitos em quatro países sul-americanos: Brasil, Argentina, Uruguai e Chile. Entre tantos veículos presentes no evento, o MC-9 chamou a atenção pelo seu visual único e raro de se ver por aqui. Um baita achado que o Rafa quis compartilhar com a gente.

Agradecemos ao parceiro Rafael Mafra por disponibilizar as imagens e informações.

0compartilhamentos

Inscreva-se na nossa newsletter