Agrale lança seu chassi articulado

Fonte: Tiempo Motor
Fotos: Divulgação


A ascensão da Metrobus em Buenos Aires alterou as necessidades do transporte de
passageiros. Os ônibus articulados são apropriados para o transporte por vias
rápidas, fazendo com que marcas como a Agrale, Mercedes-Benz e Scania,
apresentem opções para atender à essa demanda.

A
Agrale, segunda em vendas de ônibus no mercado argentino, entra no mercado de
ônibus articulados com o LE 27,0 MT. Desta forma, torna-se o primeiro ônibus
articulado produzido no país.
Produzido
na cidade de Mercedes (Buenos Aires) com um investimento de 12,5 milhões
dólares, os MT 27 mostra seus atributos para o transporte de massa. Com um
comprimento de 17,5 metros e uma capacidade de carga de 27 toneladas, permite o
transporte de 160 passageiros.

Para
atender a essas demandas, o chassi conta com um motor de seis cilindros diesel MWM
MaxxForce 7.2 l configurado de acordo com as normas Euro III que proporciona
uma potência de 330 cv as 2200 rpm e um torque de 1.300 Nm a 1.600 rpm,
acoplado a uma caixa de transmissão automática de seis velocidades Allison
T375R. Tração suportada pelas rodas traseiras.
O chassi
com a carroceria Pompeya II produzida pela encarroçadora local Todo Bus, foi
apresentado durante o 9° Expo Transporte, evento do setor realizado em Buenos
Aires. O veículo observa as regras do CNRT – Comisión Nacional de Regulación del Transporte Público (motor
traseiro, suspensão a ar e elevadores para cadeirantes).
Além
disso, o modelo incorpora como item de série, ar condicionado e um sistema de
três câmeras. Uma localizada na parte traseira externa do veículo para
visualizar o tráfego e duas para o controle do embarque e desembarque de passageiros
na porta central e traseira.
O
Agrale MT 27.0 LE articulado tem como rivais diretos o Mercedes-Benz O-500U e o
Scania K 310 articulado em um nicho que promete um lugar para todos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.