Site da Viação Itapemirim ficou fora do ar na manhã deste domingo; veja experiência para reembolso dos valores de passagens da divisão aérea do Grupo Itapemirim

Site da divisão rodoviária do Grupo Itapemirim foi normalizado no início da tarde deste domingo, 19/12.

O site da Viação Itapemirim passou a manhã deste domingo fora do ar. Após fazermos uma breve consulta ao site da empresa rodoviária do Grupo Itapemirim percebemos que o navegador perdeu conexão com o servidor, ou seja, o site tinha sido tirado do ar. O site foi normalizado no início da tarde deste domingo.

Já o site da Voe Ita, braço aéreo do Grupo Itapemirim, continua funcionando normalmente, informando sobre os procedimentos para reembolsos das passagens das viagens canceladas pela empresa.

Em comunicado divulgado neste sábado, 18/12, o Grupo Itapemirim informou que intensificou a comunicação com os passageiros impactados pela suspensão das operações da empresa aérea do grupo.

A Ita informou ainda que o serviço telefônico pelo número 0800 723 2121  assim como o chat do site foram restabelecidos, com horário de atendimento de 6h às 21h. Além disso, o passageiro pode enviar um mail para [email protected] com o nome completo e número do localizador da reserva para agilizar o atendimento.

Porém, o editor deste site teve problemas com a compra de um trecho pela empresa aérea e não teve uma experiência satisfatória para resolução do seu problemas.

Foram duas passagens adquiridas no trecho entre o Rio de Janeiro e o Recife, no dia 13 de janeiro, ou seja, passagens que ainda seriam utilizadas.

Ao entrar em contato com chat do site da Ita, desde ás 12:08 até a edição desta matéria, não havia obtido resposta do seu questionamento. Apenas uma resposta automática: “Aguarde, em instantes iremos lhe atender!!” e desde então mais nenhuma mensagem foi enviada.

A outra opção dada pela empresa é solicitar reembolso integral dos valores pagos diretamente no site da Ita, seguindo alguns passos:

  • clique em meus voos;
  • Faça o login com usuário e senha;
  • Clique na opção remarcação/reemissão/reembolso;
  • selecione seu ticket;
  • selecione a opção reembolso

Feito os passos, bem simples por sinal, chegou-se a página para reembolso, porém, pelo site, a empresa informa a devolução apenas dos valores da taxa de embarque:

Em consulta com o escritório de advocacia Filipe Lopes Advocacia e Consultoria Jurídica, que informou que como a empresa teve o seu certificado de voo suspenso pela ANAC e eles não irão operar, pelo menos em breve, eles devem reembolsar o valor integral da passagem, visto que foram eles que deram o motivo para o cancelamento das viagens e não os clientes da Ita, conforme informa o artigo 12 da Resolução ANAC nº 400, de 13 de dezembro de 2016.

Desde a última sexta-feira, 17/12, quando a empresa divulgou a suspensão temporariamente das suas operações, nosso editor já havia enviado um e-mail solicitando o reembolso dos valores pagos. Iremos aguardar se a Ita irá resolver sem maiores problemas, o que achamos difícil.

Para quem precisar, segue abaixo Resolução ANAC nº 400

O comunicado emitido pela empresa diz ainda que está utilizando sua empresa de transporte rodoviário – Viação Itapemirim – como parte do plano de contingência para reacomodação dos passageiros por via terrestre.

Segundo a empresa, a prioridade para a reacomodação em voos de outras companhias tem sido para passageiros que já estão fora de sua cidade de domicílio e precisam retornar para casa. Os demais serão atendidos com prioridade total do reembolso dos valores pagos.

Por fim, a empresa orienta os passageiros compassagens marcadas a partir de hoje que não tentem realizar o check-in on-line e não compareçam aos aeroportos antes de contatar a empresa aérea.

,
0compartilhamentos

Inscreva-se na nossa newsletter