Viação Ouro e Prata assina contrato para operar emergencialmente no transporte intermunicipal do Mato Grosso

Foi publicado na edição do Diário Oficial do Estado do Mato Grosso da última segunda-feira, 18/04, o extrato do contrato emergencial que permite a operação do Lote II do MIT n.º03 do transporte intermunicipal de passageiros do Estado do Mato Grosso pela Viação Ouro e Prata.

O Lote II do MIT n.º 03 corresponde a categoria diferenciada da região de Barra do Garças que compreende os municípios de Água Boa, Araguaiana, Araguainha, Barra do Garças, Campinápolis, Canarana, Cocalinho, Gaúcha do Norte, General Carneiro, Nova Nazaré, Nova Xavantina, Novo São Joaquim, Pontal do Araguaia, Ponte Branca, Ribeirãozinho e Torixoréu.

O prazo do contrato emergencial é de 180 (cento e oitenta) dias, contados a partir expedição da Ordem de Serviço.

O valor deste contrato para o LOTE II do MIT 03, nos termos da proposta comercial apresentada no certame licitatório, é de R$ 710.742,61 (setecentos e dez mil, setecentos e quarenta e dois reais e sessenta e um centavos), na data base de 20/01/2022,data de apresentação da proposta comercial.

O contrato foi assinado no dia 11 de abril.

Veja a publicação:

Na última sexta-feira, 15 de abril, o Governo do Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), anunciou a abertura da licitação do transporte coletivo rodoviário intermunicipal.

São cinco lotes dos mercados de Barra do Garças, Cáceres, Alta Floresta e Sinop entre categoria básica e diferenciada.

O mercado que será foi autorizado a operação para a Ouro e Prata também será licitado. A categoria diferenciada que tem por objetivo possibilitar viagens com mais conforto e menos tempo, com veículos com ar-condicionado, sanitários e maior espaçamento entre as poltronas, e valor de tarifa maior.

O mercado de Sinop terá as duas categorias licitadas. Em Cáceres e Alta Floresta, apenas a categoria básica será licitada.

Confira os municípios que fazem parte de cada mercado:

Barra do Garças: Água Boa, Araguaiana, Araguainha, Barra do Garças, Campinápolis, Canarana, Cocalinho, Gaúcha do Norte, General Carneiro, Nova Nazaré, Nova Xavantina, Novo São Joaquim, Pontal do Araguaia, Ponte Branca, Ribeirãozinho e Torixoréu. Valor da outorga para categoria diferenciada: R$ 5.356.369,11.

Cáceres: Araputanga, Cáceres, Campos de Júlio, Comodoro, Conquista D’Oeste, Curvelândia, Figueirópolis D’Oeste, Glória D’Oeste, Indiavaí, Jauru, Lambari D’Oeste, Mirassol D’Oeste, Nova Lacerda, Pontes e Lacerda, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Salto do Céu, São José dos Quatro Marcos Vale de São Domingos e Vila Bela da Santíssima Trindade. Valor da outorga para categoria básica: R$ 8.560.022,86.

Alta Floresta: Alta Floresta, Apiacás, Carlinda, Colíder, Guarantã do Norte, Matupá, Nova Bandeirantes, Nova Canaã do Norte, Nova Guarita, Nova Monte Verde, Nova Santa Helena, Novo Mundo, Paranaíta, Peixoto de Azevedo e Terra Nova do Norte. Valor da outorga para categoria básica: R$ 18.083.544,57.

Sinop: Cláudia, Feliz Natal, Ipiranga do Norte, Itanhangá, Itaúba, Juara, Lucas do Rio Verde, Marcelândia, Nova Maringá, Nova Mutum, Nova Ubiratã, Novo Horizonte do Norte, Porto dos Gaúchos, Santa Carmem, Santa Rita do Trivelato, São José do Rio Claro, Sinop, Sorriso, Tabaporã, Tapurah, União do Sul e Vera. Valor da outorga para categoria básica: R$ 19.173.636,83. Valor da outorga para categoria diferenciada: R$ 11.178.482,83.

O critério para seleção das empresas vencedoras será o de menor valor da tarifa do serviço. As empresas interessadas na concorrência pública deverão entregar os envelopes com a proposta comercial e a documentação de habilitação no dia 23 de maio, entre 8h e 9h30.

A sessão de abertura das propostas comerciais será no mesmo dia, às 09h30, na sede da Sinfra.