Marcopolo exporta os primeiros ônibus G8 para a Argentina

A Andesmar S.A., da província de Mendoza, adquiriu 11 novos veículos

Depois de conquistar o Brasil, com vendas em todos os mercados de atuação da fabricante, a Geração 8 de ônibus rodoviários Marcopolo já está presente em alguns dos principais países da América do Sul e chega agora no mercado argentino. A Andesmar S.A., da província de Mendoza, adquiriu 11 unidades do modelo Paradiso G8 1800 Double Decker, que serão utilizadas em operações turísticas e em linhas interestaduais daquele país.

“A receptividade dos nossos clientes internacionais é mais uma comprovação do elevado nível de tecnologia e inovação que a Geração 8 introduziu para os operadores de transporte. Os modelos G8 já rodam em diferentes países da América do Sul e agora também na Argentina, um dos nossos principais mercados na região”, destaca André Armaganijan, diretor de Negócios Internacionais, de Operações Comerciais e Mercado Externo.

Com 14 metros de comprimento total e chassi Scania K 440B 6×2, os Paradiso G8 1800 DD têm capacidade para 58 passageiros, sendo 46 no piso superior, em poltronas semileito, e 12 no piso inferior, em poltronas leito, todas com tomadas USB, cintos de segurança retráteis e porta-copos. Os veículos são equipados com sistemas de ar-condicionado Valeo CC430 P3 e de entretenimento, com DVD e seis monitores, DPM (Dispositivo de Poltrona Móvel) para total acessibilidade, câmera de ré, cortinas, itinerário eletrônico, bagageiro e porta-pacotes.

A Andesmar S.A. é cliente Marcopolo desde 1998. A empresa nasceu em 1967, logo após Guido Badaloni, fundador do grupo, adquirir o Expreso Campo Los Andes (ECLA), prestando serviços entre Mendoza e La Consulta (a 120 quilômetros). A ECLA lançou as bases para a criação da Autotransportes Andesmar, que inicialmente fazia viagens entre Mendoza e Bahía Blanca, na Província de Buenos Aires.

Em 1972, a Autotransportes Andesmar continuou crescendo e se expandindo em todo o território argentino, além de expandir seus negócios para o Chile. Hoje nas mãos da terceira geração da família Badaloni, a empresa oferece a rota mais longa da Argentina e transporta mais de 1,8 milhão de passageiros por ano, percorrendo cerca de 45 milhões de quilômetros.

Imagens: Divulgação Marcopolo

, , , ,
0compartilhamentos

Inscreva-se na nossa newsletter