Estações reformadas e tecnologia aliada à ação do BRT Seguro diminuem em 90% o vandalismo nas estações do BRT

Outro grande aliado no combate a esse tipo de crime é o sistema de monitoramento do Centro de Controle e Operações (CCO).
Image

A Prefeitura do Rio, por meio da MOBI-Rio, já reformou 111 das 125 estações do sistema BRT. As intervenções trouxeram, além de conforto para os passageiros, a diminuição de 90% do número de casos de vandalismos. Com as melhorias realizadas após a reforma, foram instalados mecanismos que reduzem e dificultam depredações nas estações, como a substituição de painéis e portas de vidro por chapas de aço vazadas, fiação embutida e mecanismos das portas blindados.

Dados do setor de Infraestrutura da MOBI-Rio mostram que, de janeiro a março deste ano, apenas 38 ocorrências foram registradas, em comparação às 364 do primeiro trimestre de 2022.

Um outro grande aliado no combate a esse tipo de crime é o sistema de monitoramento do Centro de Controle e Operações (CCO). Oito funcionários se revezam 24 horas por dia, sete dias da semana, verificando on-line as imagens das câmeras das estações para identificar qualquer ação ou atitude suspeita. Quando algo é detectado, agentes do BRT Seguro, da Secretaria de Ordem Pública, e a Polícia Militar são acionados pelo monitoramento da MOBI-Rio. 

“Além da destruição de um bem público, esses vândalos prejudicam principalmente os passageiros que precisam usar o BRT para seus deslocamentos diários. Dependendo do tipo de depredação, a estação precisa ser fechada e os usuários acabam tendo que andar mais para pegar o transporte ou voltar para casa. A prefeitura assumiu o BRT e está entregando um sistema renovado para a população. Estações reformadas, ônibus novos e corredores revitalizados. Por isso, nós precisamos da colaboração da população para proteger o BRT, porque o dono é você” , reforçou Claudia Secin, Presidente da MOBI-Rio.

BRT Seguro

O Programa do BRT Seguro foi criado em 2021 e desde então, já foram realizadas mais de 2.220 prisões por roubo, furto, vandalismo, importunação sexual e desacato. Também foram aplicadas mais de 7.100 multas por evasão de passagens. Este ano, um novo formato operacional foi implantado pelo BRT Seguro, o do patrulhamento embarcado nos ônibus, proporcionando mais segurança aos passageiros durante as viagens. 

“Esses números apontam para fundamental importância do BRT Seguro, que é esse programa que a Prefeitura criou de segurança pública focado justamente na segurança dos passageiros, na proteção do patrimônio público. Nós temos o patrulhamento motorizado, o embarcado, quando o agente tá no ônibus junto com os passageiros para protegê-los, e temos o baseamento nas estações. Tudo isso para trazer segurança para a população e também para preservar o patrimônio público. Vamos continuar trabalhando muito, pois já são mais de duas mil prisões efetuadas desde o lançamento do programa e mais de seis mil multas aplicadas, para que a gente tenha o sistema do BRT funcionando cada vez melhor”, afirma o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale.