República Tcheca seleciona o C-390 Millennium como sua nova aeronave de transporte militar

Decisão de iniciar as negociações para a possível compra foi baseada em uma avaliação e análise de mercado preparada pelo Ministério da Defesa da República Tcheca
Image

O Ministério da Defesa e as Forças Armadas da República Tcheca anunciaram hoje o início das negociações para a potencial aquisição do Embraer C-390 Millennium como sua aeronave de transporte militar. A decisão de iniciar as negociações para a possível compra foi baseada em uma avaliação e análise de mercado preparada pelo Ministério da Defesa da República Tcheca, que identificou o C-390 como a solução mais adequada para atender aos requisitos do Exército do país.

A República Tcheca pretende adquirir duas aeronaves que ampliarão significativamente sua capacidade de transporte aéreo, permitindo que o Exército da República Tcheca realize operações de assalto aéreo, reabastecimento aéreo, evacuação médica, ajuda humanitária e combate a incêndios. Além disso, o C-390 Millennium tem menos manutenção quando comparado a outras aeronaves, resultando em maior disponibilidade e menores custos ao longo de seu ciclo de operações.

“Estamos honrados pela seleção do Ministério da Defesa e das Forças Armadas para iniciar as negociações desta aquisição significativa. Estamos prontos para fornecer à República Tcheca a mais avançada aeronave de transporte tático disponível no mercado”, disse Bosco da Costa Junior, Presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança. “O C-390 Millennium está atraindo a atenção de várias nações ao redor do mundo, devido à sua combinação imbatível de alta produtividade e flexibilidade operacional com baixos custos operacionais.”

As negociações iniciais já começaram e preveem a assinatura de um contrato de aquisição de duas aeronaves e suporte associado. O contrato inclui também uma solução completa de treinamento para pilotos e técnicos, fornecimento de peças de reposição e um plano robusto de entrada em operação com a presença local da equipe da Embraer no país no início do processo.

C 390 Czech Air Force Airport

Após esse anúncio, a República Tcheca se torna a sexta nação e o quarto país da OTAN na Europa a escolher o C-390, seguido do Brasil, Portugal, Hungria, Holanda e Áustria. O C-390 está redefinindo o transporte aéreo militar e desafiando a mentalidade por trás das plataformas de geração atual e futura, com capacidade multimissão e interoperabilidade construídas por design.

Desde que entrou em operação com a Força Aérea Brasileira em 2019, o C-390 comprovou sua capacidade, confiabilidade e desempenho. A frota atual de seis aeronaves apresentou uma disponibilidade operacional de cerca de 80%, com uma taxa de conclusão de missão acima de 99%, demonstrando uma produtividade excepcional na categoria.

A República Tcheca é uma parceira ativa no desenvolvimento e produção do C-390 Millennium, e o anúncio de hoje fortalecerá a cooperação da Embraer com as indústrias locais. A empresa tcheca Aero Vodochody já é uma parceira estratégica e fornecedora do programa, produzindo partes da fuselagem traseira, as portas para paraquedistas e tripulação, a porta de emergência e as escotilhas, a rampa de carga e o bordo de ataque fixo.

C 390 Czech Air Force In The Sky

O C-390 pode transportar mais carga útil (26 toneladas) em comparação com outras aeronaves de transporte militar de médio porte e voa mais rápido (470 nós) e mais longe, sendo capaz de realizar uma ampla gama de missões, como transporte e lançamento de cargas e tropas, evacuação médica, busca e resgate, combate a incêndios e missões humanitárias, operando em pistas temporárias ou não pavimentadas, como terra compactada, solo e cascalho. A aeronave configurada com equipamento de reabastecimento ar-ar, com a designação KC-390, já comprovou sua capacidade de reabastecimento aéreo tanto como tanque quanto como receptor, nesse caso recebendo combustível de outro KC-390 por meio de pods instalados sob as asas.

, ,

Receba os posts do site em seu e-mail!

Quando uma matéria for publicada, você fica sabendo na hora.