Expresso Princesa dos Campos apresenta crescimento de 52% nas vendas de passagens em dezembro

Empresa transportou mais de 212 mil passageiros no último mês do ano; foram quase 73 mil passageiros a mais do que em dezembro de 2020

A Expresso Princesa dos Campos, empresa paranaense de transportes de passageiros e encomendas, apresentou um crescimento de 52% nas vendas de passagens em dezembro de 2021, com um aumento de 25% no total de viagens, comparado ao mesmo período do ano anterior. Isso significa que, além do aumento no número de passageiros, a empresa conseguiu uma melhor ocupação dos ônibus a cada viagem.

De acordo com os dados da Companhia, em dezembro foram mais de 212 mil passageiros transportado (quase 73 mil passageiros a mais do que o registrado no ano anterior). As linhas Curitiba – Registro, São Miguel do Oeste – São Paulo e Cascavel – Foz Iguaçu foram as que apresentaram uma maior procura.

Segunda o CEO da Expresso Princesa dos Campos, Gilson Barreto, a expectativa é que nos próximos meses de 2022 as vendas continuem apresentando um aumento mês a mês, já que acontece a retomada das aulas presenciais nas faculdades. “Temos observado que o turismo local está em alta e o fato de a população estar vacinada ajuda a impulsionar o retorno das viagens pelo transporte rodoviário de ônibus”, afirma Barreto. Ele ainda espera que as vendas no fim de ano de 2022 também superem as dos anos anteriores.

O aumento do número de passagens vendidas e de viagens realizadas pela Expresso Princesa dos Campos vai ao encontro da tendência da retomada do turismo, que acontece de forma gradativa. Segundo uma pesquisa divulgada pela Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), a procura por viagens vem crescendo mais de 50% nos últimos dois meses.

Essa retomada do turismo apresenta um crescimento significativo. De acordo com uma projeção da Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestres de Passageiros (Abrati), o mercado rodoviário transportou 3,1 milhões de passageiros em 2021, alta de 14,8% na comparação a 2019, ano anterior à pandemia de Covid-19. Em 2020, foram transportados apenas 1 milhão de passageiros.

Fonte: Assessoria de imprensa

,
0compartilhamentos

Inscreva-se na nossa newsletter