Busworld Europa, o mais importante evento mundial do ônibus começa neste sábado

Exposição e congresso com fabricantes e órgãos reguladores globais discutirão o futuro do transporte coletivo rodoviário
Image

Tem início neste sábado, dia 7 de outubro, no Expo Bruxelas, a edição 2023 da Busworld Europa, maior evento global da indústria do ônibus. Até o dia 12, os principais fabricantes, fornecedores, operadores de transporte e representantes de governo de todo o mundo vão apresentar, discutir e propor as soluções para o contínuo desenvolvimento da mobilidade, rumo à meta de zero emissão e sustentabilidade. Serão cerca de 500 expositores e 40.000 visitantes.

Após um intervalo de quatro anos, o evento volta a ser realizado e os pontos centrais serão as novas tecnologias de eletrificação, tanto para ônibus urbanos quanto para os rodoviários, e toda a nova rede de serviços e suporte que precisa ser criada e implementada para que o processo de descarbonização do transporte rodoviário aconteça efetivamente.

Além dos inúmeros novos lançamentos em termos de produtos, com veículos elétricos de todos os tamanhos e desenvolvidos para as mais diversas aplicações e condições, a indústria vem investindo e trabalhando muito forte para superar os maiores desafios existentes, como o elevado custo de aquisição dos modelos eletrificados, as soluções para recarga e abastecimento dos veículos, toda a infraestrutura necessária e, é claro, subsídios para que os operadores possam substituir mais rapidamente os modelos convencionais a combustíveis fósseis pelos de fontes renováveis.

img 5379 1

“A edição 2023 da Busworld tem um grande significado, pois marca a recuperação e demonstra a resiliência da indústria do ônibus mundial frente a tantos desafios, sobretudo a descarbonização do transporte e a digitalização para uma mobilidade eficiente. O tema “Stronger Together” mostra essa unidade e determinação face à adversidade. Acreditamos que será a melhor edição já realizada”, comenta a diretora da Busworld Europa, Mieke Glorieux.

Na visão dos especialistas, o ônibus continua a ser a solução mais flexível, eficiente e de rápida e “barata” implementação para o transporte de passageiros e faz parte do futuro da mobilidade em todos os mercados do mundo. Por isso, as diferentes conferências, como a EU ZEB (European Zero Emission Bus Conference), no dia 12 de outubro, e a Digital Mobility Solutions Conference, dia 11, para envolver os decisores políticos, operadores e fabricantes, e facilitar a troca de conhecimento e ajudar na sua transição para uma mobilidade com emissões zero nas diferentes regiões do mundo.

A quinta edição da Conferência Europeia de Ônibus com Emissões Zero vai discutir a descarbonização de toda a indústria e como realizá-la. A Conferência de Soluções Digitais de Mobilidade abordará as inovações digitais aplicadaa nas operações de ônibus, inclusive via telemática, direção automatizada, serviços de ônibus autônomos, gestão inteligente de energia e os conceitos de mobilidade da próxima geração, entre outros.

O transporte público suportado e/ou executado digitalmente impulsionará a mobilidade para um nível mais elevado, no qual seja fácil de utilizar e suave, planejada, mais eficiente e, portanto, sustentável, inclusive com veículos dimensionados especificamente para cada aplicação e região.

Um ônibus contém mais de 20.000 chips. A utilização de softwares contribui para a segurança, a sustentabilidade e o conforto dos passageiros e do condutor e é essencial para incluir os serviços de ônibus nos modelos de mobilidade multimodal do futuro e para atender ao crescimento do transporte coletivo de passageiros.

Na gestão inteligente de energia, a implementação de veículos elétricos permite um controle mais significativo dos custos de energia por parte do operador. Além do preço do diesel, o preço da eletricidade também varia. O tempo de carregamento dos veículos, incluindo a produção própria de eletricidade ou a implementação de armazenamento estacionário de eletricidade, terá um efeito decisivo no custo energético dos operadores.

Grandes companhias da indústria mundial do ônibus estarão presentes. As tradicionais empresas europeias, como Van Hool, Daimler, MAN, IVECO Bus, VDL, Scania, Irizar, Ebusco e Solaris, ao lado da gigante brasileira Marcopolo, Otokar, Anadolu Isuzu, Karsan, da Turquia, MCV, do Egito, e JBM, da Índia.

Imagens: Arquivo Internet


Receba os posts do site em seu e-mail!

Quando uma matéria for publicada, você fica sabendo na hora.